CLEARTUF MAX - New Project

Go to content

Main menu

PRODUTOS



Cleartuf ® Max™ é a resina PET da M&G indicada para aplicações em embalagens de bebidas carbonatadas, como os refrigerantes (CSD).

É um polímero de alto peso molecular, com viscosidade intrínseca de 0,84 dl/g.

No desenvolvimento dessa resina, a M&G focou dois objetivos importantes: a otimização de produção de garrafas e a redução no consumo de energia durante o sopro em máquinas de dois estágios. Assim, Cleartuf ® Max™ favorece uma maoir absorção de energia das lâmpadas infravermelhas, presentes na maioria das máquinas de sopro de alta performance.

Além do mercado de bebidas carbonatadas, Cleartuf ® Max™ é amplamente utilizada em outros segmentos, como óleos comestíveis, condimentos, isotônicos, higiene, limpeza e outros.


Aspectos importantes de uso no processamento

Secagem
Poliésteres termoplásticos como a resina Cleartuf ® Max™ podem sofrer hidrólise se a umidade não for eliminada antes do processo de injeção, levando a uma redução do peso molecular e a perda das propriedades mecânicas da garrafa, afetando a performance no teste de carga vertical (top load) e a resistência ao impacto.  

Recomenda-se que o teor de umidade da resina seja reduzido a um valor inferior a 0,003% (30ppm), antes do processo de fusão. A secagem é mais eficaz se utilizado secador com dessecantes, normalmente com peneiras moleculares, onde o ar utilizado para a secagem da resina é previamente desumidificado.

O ponto de orvalho (dew point) do ar seco deverá ser mantido, no máximo, a -29ºC (máx. -20ºF). As condições típicas de secagem são: temperatura de 175ºC (350ºF), tempo de residência no secador de 4 a 6 horas e uma vazão mínima de ar de 1,0 ft3/min por libra de polímero consumido por hora.


Moldagem por injeção, esfriamento e sopro
Temperaturas de injeção devem ser as mais baixas possíveis para produzir pré-formas com boa transparência. Deve-se ter atenção com valores acima dos limites, para evitar cisalhamento excessivo durante a injeção.  

Temperaturas típicas de processamento são geralmente 10ºC a 30ºC mais altas que o ponto de fusão informado na folha de dados, na dependência, em grande parte, de condições de injeção, como tempo de residência e cisalhamento.  

No processo de estiramento e sopro, as pré-formas devem ser aquecidas a níveis mínimos, suficientes para produzir embalagens de qualidade, com boa transparência e orientadas biaxialmente. Temperaturas típicas da superfície da pré-forma ficam geralmente entre 90ºC e 105ºC, e dependem em grande parte da programação e eficiência do equipamento.


Aspectos de segurança
Por favor, leia a Folha de Dados dos Materiais de Segurança escrita para este produto. Poderá ser obtida através de nosso Gerente de Contas ou através de nossa área de Assistência Técnica.

Manuseio
A resina poliéster Cleartuf ® Max™ não apresenta perigos de intoxicação por contato com a pele ou inalação, sob condições normais. Contato com o polímero fundido deverá ser evitado.

O empilhamento máximo recomendado é de 2 unidades.


Precauções com fogo
Como a maioria dos polímeros orgânicos, o polímero PET pode queimar. Apesar de ser difícil de incendiar, o PET é definido como combustível, mas não é considerado “altamente inflamável”.

Precauções devem ser tomadas a fim de evitar a presença de fontes de ignição em galpões e áreas de estocagem. Se grandes quantidades forem estocadas, a limpeza deve ser reforçada, incluindo ausência de poeira, acessos desobstruídos, sistemas de detectores de fumaça etc.

 
Back to content | Back to main menu